Fiéis realizam último desejo de padre: ajudar a SSVP

0
2480
Padre Inácio Krüger era Assessor Espiritual do Conselho Central de Sorocaba (SP)

Em vez de flores, alimento para quem precisa. Em vez de honras e títulos, o incentivo à prática da caridade. Foi assim que o padre Inácio Krüger viveu. Era o Assessor Espiritual do Conselho Central de Sorocaba (SP) da Sociedade de São Vicente de Paulo (SSVP). Além de acompanhar a caminhada dos confrades e consócias na área, divulgava e amava o Carisma Vicentino.

Doente, padre Inácio morreu nessa última segunda (17). Na casa dele, eis que amigos e parentes encontram algo surpreendente. Segundo Dom Júlio Endi Akamine, arcebispo metropolitano de Sorocaba, havia um esboço de testamento no qual ele pedia que não houvesse coroas de flores em seu velório.  No lugar, ele queria que as pessoas doassem cestas básicas para o Conselho Central de Sorocaba, que presta assistências às famílias carentes da cidade.

Missa de Corpo Presente

O rascunho só foi encontrado quando muitas coroas já tinham sido compradas, então, como forma de realizar o último desejo de padre Inácio, a Igreja decidiu doar o dinheiro arrecadado durante o ofertório na Missa de Corpo Presente para a SSVP. O valor é de R$4.5 mil.

A Missa foi celebrada nessa terça (18), na Paróquia de São Benedito, Vila Carvalho, último local de trabalho pastoral do sacerdote. De lá, o corpo seguiu em cortejo até o Cemitério da Saudade, onde padre Inácio foi enterrado.

A PRÁTICA DA VISITA

Entre confrades e consócias durante as comemorações dos 400 anos do Carisma Vicentino, em Roma

Assim como os vicentinos, padre Inácio valorizava as visitas às pessoas carentes e doentes. O amigo, padre Tadeu Rocha Moraes, pároco da Catedral Metropolitana de Sorocaba e que foi designado como administrador paroquial durante o período de ausência de Padre Inácio, recordou: “bastava saber de um amigo, conhecido, paroquiano ou aluno que estivesse em dificuldade, Inácio pedia o endereço e visitava. Não há quem fosse próximo que não tenha recebido uma visita de caridade”.

Fonte: Redação do SSVPBRASIL

Comente pelo Facebook

LEAVE A REPLY