1833-2019: uma SSVP feita por e para os jovens, rememora encontro

0
572

Há quem diga que os jovens constituem o FUTURO da SSVP. Só que eles são bem mais que isso. Além do PRESENTE, já que atuam na atualidade em defesa dos direitos dos Pobres, constituem também o PASSADO da entidade.

Foi um grupo de jovens, liderado por Antônio Frederico Ozanam, que fundou a instituição em 1833. Portanto, a juventude sempre será protagonista dentro do movimento. É em torno do destaque que o jovem sempre teve e terá na SSVP que acontecem as discussões do 31º Encontro Nacional de Jovens (ENJ), neste final de semana, em Jaboatão dos Guararapes (região metropolitana de Recife/PE).

São mais de cem participantes, representando todos os Conselhos Metropolitanos do Brasil. A eles, o confrade Cristian Reis da Luz, presidente nacional da SSVP, dirigiu palavras de motivação. “Que nossas ações façam das Comissões de Jovens o alicerce do presente e do futuro da SSVP”. Em seguida, questionou e respondeu: “jovens, vamos continuar a construir a história da entidade? Porque com a juventude, a SSVP cresce”.

O presidente ainda mostrou dados históricos relacionados aos jovens. Dentre eles, o início da organização da juventude vicentina no Brasil em 1966, cerca de 90 anos após a criação da entidade no país.

Cristian, por fim, relembrou feitos importantes dos jovens, tal como a implantação da Via-sacra, que é hoje uma das principais atrações da Romaria Nacional dos Vicentinos ao Santuário de Aparecida (SP).

A vice-presidente do Conselho Nacional do Brasil (CNB), consócia Elisabete Castro, acredita no potencial dos jovens e no papel que a SSVP pode desempenhar à juventude que está distante dos preceitos cristãos. “Vocês (jovens) podem mudar o mundo e a SSVP pode oferecer aos jovens uma oportunidade de serviço e amor aos Pobres que estão lá fora”.

PROTAGONISMO

O 31º Encontro Nacional de Jovens tem como tema a citação do Papa Francisco: “Não deixe para os outros o ser protagonista da mudança”.

Sobre ele, a consócia Denise Ramos, coordenadora nacional de Jovens, explicou que a juventude protagonista é aquela que assume responsabilidades, não tem medo de ousar e não fica se vitimizando diante das dificuldades.

Quando os jovens vicentinos assumirem os papéis de ‘protagonistas das mudanças’, Denise acredita que os Pobres serão os principais beneficiados. “Somos nós, juntos e misturados, para fazer a diferença na SSVP. Enquanto estamos com medo, e não querendo assumir responsabilidades, tem gente lá fora passando frio e fome”.

Lançado o projeto ‘100% CJ’

Durante o Encontro Nacional de Coordenadores de Comissões de Jovens, que acontece neste final de semana em Jaboatão dos Guararapes (região metropolitano de Recife-PE), a coordenação nacional lança o projeto ‘100% CJ’.

A proposta é que haja Comissão de Jovens formadas e atuantes em todos os Conselhos Centrais e Particulares do País. Informações detalhadas sobre o projeto vão ser divulgadas nesta semana, por meio de uma Circular.

 

Fonte: Redação do SSVPBRASIL

Comente pelo Facebook

LEAVE A REPLY