Por que se comemoram em 2017 os 400 anos do carisma vicentino?

0
Assembleia geral da AIC, na Guatemala, em 2015.

A Família Vicentina é formada por instituições voltadas a fazer o bem ao próximo, que foram criadas ou inspiradas no patrono de todas as obras de caridade, São Vicente de Paulo. Existem no mundo centenas delas, mas a primeira foi fundada há 399 anos. É a Associação Internacional de Caridades (AIC), tendo como criador o próprio Vicente de Paulo, que ao ver a situação de miséria de uma família francesa, reuniu um grupo de mulheres ricas para ajudá-la. Esse fato aconteceu no dia 20 de agosto de 1617. E é por causa do aniversário de 400 anos da AIC que, em 2017, todos os Ramos da Família são convidados a celebrar essa data.

O tema das comemorações será a passagem do livro de Mateus “Eu era estrangeiro e me acolhestes” (25, 35). E os 400 anos do Carisma Vicentino será entre 1º de janeiro e 31 de dezembro de 2017.

SOBRE A AIC

A Associação Internacional de Caridades (AIC) foi fundada por Vicente de Paulo, que convocou um grupo de 50 mulheres a ajudar uma família vítima da miséria. Elas foram organizadas para que a assistência não fosse apenas um gesto esporádico, mas uma ação contínua em combate à fome e às mazelas sociais.

A AIC existe hoje em diversas partes do mundo e é formada por 53 associações nacionais que reúnem voluntários cristãos, na maioria, mulheres. São cerca de 150 il voluntárias. Elas prestam assistência em vários âmbitos, mas agem com foco nos trabalhos voltados ao público feminino de baixa renda. Assim como a Sociedade de São Vicente de Paulo (SSVP), a Associação Internacional de Caridades tem trabalhado com foco no projeto Mudança de Estruturas.

Os membros da instituição acreditam que as mulheres são as mais afetadas pela pobreza e injustiça e, por isso, elas representam 80% do público-alvo das atividades desenvolvidas pela instituição.

FONTE: DA REDAÇÃO DO SSVPBRASIL

Comente pelo Facebook

Deixe uma resposta