SSVP é homenageada em tapetes de Corpus Christi

0
658
Consócia Sabrina Lourenço, do Conselho Metropolitano de São Paulo, ornamenta uma ilustração de Ozanam

Por todo o Brasil, os confrades e consócias deram um jeito de mostrar o amor que sentem pela Sociedade de São Vicente de Paulo (SSVP) ontem (21), durante a Festa de Corpus Christi.

Nos tradicionais tapetes, confeccionados para a data, vicentinos ilustraram a bandeira da entidade, bem como imagens de Antônio Frederico Ozanam e de São Vicente de Paulo (veja as fotos ao final desta matéria).

A celebração de Corpus Christi (Corpo de Cristo) surgiu na Idade Média e consta de uma Missa, procissão e adoração ao Santíssimo Sacramento. Quarenta dias depois do Domingo de Páscoa é a quinta-feira da Ascensão do Senhor. Dez dias depois tem-se o Domingo de Pentecostes. O domingo seguinte é o da Santíssima Trindade, e na quinta-feira é a celebração do Corpus Christi.

É uma das mais tradicionais festas do Brasil e é comemorada no país desde a chegada dos portugueses.

A tradição de fazer o tapete vem dos imigrantes açorianos. Essa tradição praticamente desapareceu em Portugal continental, onde teve origem, mas foi mantida nos Açores e nos lugares onde chegaram os imigrantes.

No Brasil, a tradição de se fazer os tapetes de ruas acontece em inúmeras cidades, geralmente com voluntários que começam os preparativos dias antes da solenidade e varam a noite trabalhando.

Tapete feito pelos vicentinos de Brumadinho (MG)
Bandeira da SSVP é destaque deste tapete feito em Itápolis (SP)
INOVAÇÃO. Em Araucária, alimentos e agasalhos usados no tapete serão doados às famílias carentes
Mais uma homenagem à SSVP, agora, do Conselho Central de Dourados (MS)
Tapete no Conselho Central de Mandaguari (PR)
Conselho Particular São Bastita do Glória (MG)
Itápolis (SP)
Conselho Central de Paranavaí (PR)

Fonte: Redação do SSVPBRASIL

Comente pelo Facebook

LEAVE A REPLY