Relíquia de Ozanam está em Belém do Pará

0
5
Vicentinos do Pará com a relíquia

Desde o último sábado (7), os vicentinos do Pará vivem dias de graça e devoção ao principal fundador da Sociedade de São Vicente de Paulo (SSVP), confrade Antonio Frederico Ozanam. A relíquia dele chegou ao Estado com cerca de 7h de atraso, porque um rio entre o Pará e o Piauí (onde ela estava anteriormente) transbordou, sendo necessário esperar as águas baixarem para que o percurso fosse concluído.

A peregrinação da relíquia começou no mês passado em Teresina. De Teresina a Belém do Pará, ela foi levada de ônibus pela consócia Teresinha Aguiar, vice-presidente do Conselho Particular São Paulo Apóstolo.

Missa celebrada na Catedral de Belém
Missa celebrada na Catedral de Belém

No Terminal Rodoviário, os vicentinos já aguardavam a chegada do relicário que contém um pedaço de linho na cor creme, usado para envolver o corpo de Ozanam quando ele morreu. Da rodoviária, a relíquia foi para a Capela São Vicente de Paulo, onde aconteceu um momento de espiritualidade. Desde então, os confrades e consócias paraenses têm levado o objeto de veneração para diversificadas atividades: Missas, terço vicentino, visita ao Dispensário das Filhas da Caridade, palestras e Paróquias.

Nesta quinta (12), ela está na casa da consócia Graça Alves, que após um tumor no cérebro, ficou muito debilitada. No entanto, os vicentinos locais iniciaram uma corrente de orações pedindo a intercessão do bem-aventurado e a vicentina vem apresentando melhoras significativas.

A consócia Conceição Mendes é vice-presidente do Conselho Metropolitano de Belém e afirma que a relíquia vai percorrer o maior número possível de cidades do Estado até o final deste mês, quando será encaminhada ao Conselho Metropolitano de Fortaleza (CE). Segundo ela, tem sido um momento maravilhoso para os vicentinos locais. “É uma divulgação incrível de nosso fundador e temos participado de celebrações belíssimas, onde as pessoas estão tendo a oportunidade de conhecer melhor a história de Ozanam”.

NO PIAUÍ

Início da peregrinação no Piauí
Início da peregrinação no Piauí

 Em Teresina, onde começou a peregrinação da relíquia pelo país, ela ficou exposta na Casa de Idosos Frederico Ozanam e também foi levada para uma adoração ao Santíssimo Sacramento na Catedral Nossa Senhora das Dores. “Que graça foi para nós estarmos mais próximos de nosso fundador, fazendo-nos lembrar de como a SSVP começou e aproximando-nos ainda mais do espírito primitivo da instituição, que é o da caridade desinteressada e do amor incondicional aos Pobres”, avalia o confrade Carlos Aguiar, coordenador da Escola de Capacitação Antonio Frederico Ozanam (Ecafo) da Região VII, que engloba os Conselhos Metropolitanos de Belém, Fortaleza e Teresina.

 

Fonte: Redação do SSVPBRASIL

 

Comente pelo Facebook

LEAVE A REPLY