Moradora de lar da SSVP conhece Roberto Carlos: “o importante é que emoções eu vivi”

0
152
Dona Anice realizou o sonho de conhecer seu cantor favorito. (Foto da Assessoria de Imprensa do cantor Roberto Carlos).
Dona Anice realizou o sonho de conhecer seu cantor favorito. (Foto da Assessoria de Imprensa do cantor Roberto Carlos).

Quando terminou o show do cantor Roberto Carlos, realizado sábado passado em Sorocaba (SP), D. Anice Garcia tinha uma certeza: “se chorei ou se sorri, o importante é que emoções eu vivi”. E a letra da música ‘Emoções’, do rei, nunca fez tanto sentido na vida dela. D. Anice, de 78 anos, foi uma das expectadoras da apresentação, mas não só mais uma. Diferente dos outros participantes, ela teve a oportunidade de ir ao camarim do cantor a convite dele.

A história desta ‘senhorinha’ gerou mais de 300 mil visualizações no site de relacionamentos Facebook e, você, confere a partir de agora uma entrevista exclusiva com ela, cedida na tarde dessa quarta (7) à equipe de jornalismo do site SSVPBRASIL.

Anice é moradora do Lar São Vicente de Paulo de Sorocaba, Obra Unida da SSVP. A equipe de profissionais do Asilo fez uma campanha em que os idosos escreviam numa lousa os sonhos deles. As imagens foram divulgadas em redes sociais para que as pessoas pudessem apadrinhar os idosos. Os pedidos eram dos mais variados possíveis: de doces a roupas. Um deles, o da personagem citada no início da matéria, o mais ambicioso de todos: queria conhecer Roberto Carlos.

A foto foi divulgada. Dois voluntários se solidarizaram, comprando os ingressos de D. Anice e para uma acompanhante que pudesse levá-la. O presente custou mais de R$1.2 mil.

Chegou o dia do show. Roberto Carlos só usa roupas claras, preferencialmente azuis. Para não contrariar o ídolo, ela também colocou uma roupa azul. Na casa de eventos, cantou, dançou, aplaudiu e se emocionou, relembrando músicas que marcaram a vida dela nos últimos 50 anos, desde que se tornou fã do ‘rei’.

Ao final da apresentação, a Assessoria do cantor Roberto Carlos soube da presença da moradora do asilo na plateia e providenciou um encontro entre os dois.  “Quando a porta do camarim se abriu, eu fiquei paralisada”, conta ela, ainda emocionada.

Segundo D. Anice, o cantor disse que estava muito feliz por tê-la como fã e ainda         ‘trocou figurinhas’ sobre inflamação no nervo ciático, doença que ele vem enfrentando recentemente, e que a idosa já teve também.

A moradora do Lar São Vicente de Paulo não perdeu tempo. Abraçou muito o ídolo e tirou fotos. “Ele é uma pessoa maravilhosa. Você vê pela televisão é uma coisa; agora, você encontrá-lo pessoalmente é muito diferente. Muito educado e lindo fisicamente. Foi o dia mais lindo da minha vida”.

Quando escreveu na lousa que queria conhecer o ‘rei’, ela acreditou que pudesse realizar o sonho. “No especial do Roberto Carlos de final de ano exibido pela Globo, toda vez que terminava, eu pensava assim: agora o público está lá com ele, e eu estou em casa.  Eu sonhava e acreditava  que um dia ia ao show, que estaria no meio do público. Só que foi mais que isso. Não foi só ele no palco e eu na plateia, mas eu entrei no camarim”.

Anice credita às orações que fez o fato de conseguir conhecer o ídolo. “Nada é por acaso. Eu pedi tanto e tenho certeza que Jesus providenciou essas pessoas que puderam me dar os ingressos. Eu sei que se olhar para o céu, não posso ver Jesus. Mas acredite: eu senti a presença Dele no sorriso daqueles dois voluntários”, ensina.

Vale ressaltar que o cantor já teve outra demonstração de respeito à SSVP, quando fez um show em 2004 com renda destinada à instituição.

OUTROS SONHOS

De acordo com o presidente do Lar, o confrade Ivan Souza, todos os pedidos dos idosos foram apadrinhados pela sociedade. Agora, quem quiser ajudar, basta fazer uma visita aos residentes. “O que as pessoas podem fazer por nós agora é nos visitar. Não há presente maior que o carinho para suprir a carência afetiva de nossos idosos”.

Fonte: Redação do SSVPBRASIL

Comente pelo Facebook

LEAVE A REPLY