Matéria publicada pela SSVP contribui no recrutamento

0
725
Fanny participará de uma Conferência em Taubaté (SP), na área do Conselho Metropolitano de São José dos Campos

A analista de sistema Estefânia Aparecida Martins Gaia, de 30 anos, vai se tornar uma aspirante dentro da Sociedade de São Vicente de Paulo (SSVP), aumentando o número de cristãos que dedicam as vidas à causa dos Pobres. Fanny, como ela é mais conhecida, decidiu ser vicentina ontem (5), depois de ler a matéria “Recrutar e manter o jovem na SSVP são propostas para junho”.

Na reportagem, a consócia Denise Ramos, coordenadora nacional da juventude vicentina, faz um convite: “Jovens, venham conhecer a nossa SSVP. Vocês são muito bem-vindos e queridos por nós. Que juntos possamos fazer a diferença nas vidas de nossos ‘Mestres e Senhores’, os Pobres”.

Fanny estava navegando pelo site de relacionamentos Facebook quando viu a chamada da postagem. Segundo ela, ao ler a matéria, se sentiu motivada a ingressar em uma Conferência na cidade de Taubaté, onde mora, na área do Conselho Metropolitano de São José dos Campos (SP).

A analista de sistema imediatamente perguntou no post como fazia para ser vicentina. Membros da SSVP de Taubaté responderam ao questionamento, e a jovem disse que definirá agora qual Conferência tem o melhor dia e horário para que ela possa participar.

De volta aos velhos tempos

Na infância, Estefânia disse que acompanhava o pai, que era vicentino, a uma Conferência. “Naquela época, eu participava das reuniões, fazia campanha de alimentos e visitava as famílias carentes. Depois, meu pai se mudou para a roça, e eu parei de participar”, relembra.

Mas a ‘sementinha da caridade’ ficou plantada no coração da jovem. Atualmente, ela e os amigos distribuem sopa para moradores de rua.

E, agora, ela atuará ainda mais pelos Pobres por meio do trabalho na SSVP. “Vi a publicação e senti o desejo de voltar. Eu fiquei interessada porque a postagem convidava os jovens. Quando eu participava, só tinham adultos. Estou muito motivada para começar os trabalhos, pois quero ajudar as pessoas de alguma forma”.

 

Fonte: Redação do SSVPBRASIL

Comente pelo Facebook

LEAVE A REPLY