Em MG, pano de prato enxuga e ajuda famílias carentes

0
194
Imagem meramente ilustrativa

A cidade de Leopoldina, no interior de Minas Gerais, é conhecida como um dos polos da confecção de pano de prato bordado. E a Sociedade de São Vicente de Paulo (SSVP) atenta a este dado viu no artesanato uma forma exponencial de ajuda às famílias carentes. O Conselho Particular (CP) São José criou, dentro da sede administrativa, uma fábrica para a produção dos artigos. Todo o dinheiro obtido com a venda é destinado às famílias carentes locais.

A fábrica foi implementada com recursos dos Projetos Sociais do Conselho Nacional do Brasil (CNB), que financia ações de Mudança de Estruturas (promoção social). Duas voluntárias trabalham na produção dos panos de prato que são comercializados na feira de artesanatos local.

De acordo com o confrade Alexandre Antonio de Castro Réche, presidente do CP, o dinheiro arrecadado tem ajudado a financiar um outro projeto da SSVP local que é a ‘Casa da Partilha’. Uma vez ao mês, o Conselho reúne todas as famílias assistidas, quando tem a oportunidade de partilhar esclarecimentos sobre saúde, higiene, questões jurídicas e também trabalha com a evangelização. Ao final dos encontros, os assistidos ganham uma cesta mais incrementada.

O confrade Alexandre explica que a proposta é de que os assistidos também ajudem na produção de panos de prato e que cursos sejam ministrados ainda para a comunidade local.

Fonte: Redação do SSVPBRASIL

Comente pelo Facebook

LEAVE A REPLY